segunda-feira, junho 20, 2016

10 sinais que apontam que você deve mudar de igreja

Por Renato Vargens

Existem inúmeras igrejas que levam o nome de igreja, mas que estão bem longe de ser uma igreja de Cristo. Tais comunidades possuem aparência de piedade, pregam um pseudo-evangelho parecido com o evangelho, sem contudo manifestar os atributos de uma igreja verdadeiramente cristã. 

Diante do exposto resolvi elencar dez sinais de que a igreja que frequenta prega um cristianismo deturpado, o que lhe justifica o direito de sair para uma igreja bíblica e saudável:

1-) O evangelho pregado é desprovido das verdades fundamentais à fé cristã. Doutrinas como salvação pela graça mediante a fé em Cristo Jesus, a imputação do pecado e a justiça atribuída a Cristo e ao crente,  a doutrina da Trindade, o batismo, a ceia do Senhor, a divindade de Cristo e outras mais não são ensinadas nos púlpitos e classes dominicais.

2-) O culto é eminentemente antropocêntrico. As canções entoadas, os atos litúrgicos e principalmente a palavra pregada visa exclusivamente a solução dos problemas dos homens como também a satisfação do cliente.

3-) O culto é personalista e focado exclusivamente na pessoa do pastor, bispo ou apóstolo, o qual é visto como o "ungido" de Deus.

4-) O culto tem por foco prosperidade e enriquecimento do fiel. A começar pelo período de louvor, passando pelos avisos e pregação, tudo aponta para o dinheiro. Senão bastasse isso, a igreja não trata da vida financeira da comunidade local de forma transparente. 

5-) A mensagem pregada tem por conteúdo a autoajuda. 

6-) Verdades como pecado original, depravação total, perdição eterna e salvação por Cristo não são enfatizadas, pregadas e muito menos ensinadas.

7-) Doutrinas como maldição hereditária, sementes, honra, unicismo, arianismo, dualismo, e maniqueísmo são pregadas e defendidas pelos pastores, bispos e apóstolos.

8-)  As Escrituras são colocadas no mesmo nível de igualdade, autoridade e inerrância do ensino, palavra ou revelação do pastor, bispo ou apóstolo.

9-) As chamadas "unções" tem um papel quase que mágico, prevalecendo assim sobre os ensinos das Escrituras.

10-) O ensino do pastor é inquestionável e o simples de discordar dele implica em ser taxado pelo líder como rebelde, desobediente, portanto, alguém passível de maldição e juízo.

Pense nisso! 

Renato Vargens


fernandodesousa disse...

Excelente texto, gostaria de saber se posso reblogar o irmão, dando-lhe o devido crédito, claro.

Renato Vargens disse...

Fernando,

Fique a vontade.

Abraços,

Pr. Renato Vargens

Marco Antonio Pereira Ribeiro disse...

Renato,você alerta de um perigo, mas, não aponta o escape. Em sã consciência, como, ou quantos leitores saberão ou poderão discernir em que comunidade encontrarão estas características? Você deve saber o quão imperceptivel é isso. Se você está izento de culpa em seu alerta, então, aponte as comunidades onde os leitores vão ebcontrar as características de uma genuína igreja, ou, melhor diria, um grupo onde o genuino evangelho esteja sendo buscado e vivenciado. Se o seu aviso é respaldado pelo Senhor da Igreja, então, ajude a massa enganada a encontrar o aprisco do verdadeiro Senhor, assim você prestará um serviço realmente agradável a Deus.
Outra coisa: Você acha que as pessoas enganadas entendem esse linguajar rebuscado religioso? "Salvação pela graça"? Imputação do pecado..."? Esses são termos que talvez boa parte dos bacharéis em teologia não dominem. Mude seu linguajar e o popularize se você quer realmente alcançar os perdidos enganados! Tem que falar uma linguagem que eles entendam! Outra coisa: Lembra daquele texto que diz algo sobre os homens se tornarem amantes de si mesmo indo atrás de palavras que lhes sejam agradáveis fazendo coceira, massagem nos ouvidos? Infelizmente esse é o retrato da nossa geração. E tentando finalizar voltando ao início, na maioria das igrejas históricas, não vemos essa grade curricular na preocupação ou prerrogativa do ensino do evangelho, há muito, muito mesmo, os que se dizem representar a igreja de Cristo, perderam essa essência. Releia as literaturas de EBD das igrejas históricas nos últimos 30 anos. Talvez, isoladamente encontremos esses temas aqui e ali, mas, dificilmente de uma forma didática. Creio que nem nos seminários seja assim. Finalizando que diEr duas coisas ainda; uma, é que concordo com sua observação sobre o atual declínio de conteúdo no pseudo evangelho vivenciado há muito, e, confesso que não entendo o por quê de Jesus, o cabeça da igreja, deixar as coisas correrem assim, mas, Ele, é o único Senhor da Igreja, é a única Cabeça de comando, o único dono. Não lembro de Ele ter deixado documentado na Escritura sagrada, essa missão de formar,ou reformar a igreja Dele. Por isso, depois de muito espernear, me resigno ao propósito de tentar viver o evangelho que creio que Ele viveu e quer que vivamos. E, para finalizar mesmo irmão, espero que entenda qie apesar de parecer ríspido, meu propósito e de discutir o tema, e, ajudá-lo a aprimorar sua crítica para que haja resultado claro e farto dela. Tem um outro aspecto que considero mais cirúrgico sobre a igreja e o evangelho que se enquadra nesses questionamentos, mas, que penso nao caber aqui. Um abraço! Êxito no seu trabalho!

cotidiano Amazonico disse...

Gostei muito. Sao sinais visiveis para corrigir, ou para mudar de igreja.
Joao

Unknown disse...

Olá, alguns dia anteriores me vi numa situação parecida com essa, pois a igreja na qual eu me congrego tem algumas dessas características. E por esse motivo eu quis sair pensando que eu mesmo estava em pecado por sempre dar mais de mim, mas na verdade eu tava fazendo a vontade deles... Enfim.. Oque eu fiz? Pensei em sair da igreja?! Sim! Mas eu fui pedir aconselhamento pra Deus*(você também tem de fazer isso)* e Ele usou uma "líder" minha pra me chamar e conversar comigo sobre, sendo que eu mesmo não disse nada pra ela, e ela falou exatamente tudo. Vou resumir tudo oque ela me falou pra mim refletir. Quer sair da igreja? Sai, você não é obrigado a aceitar oque eles fazem, assim como eu não aceito tudo, mas oque eu faço aqui é pra Deus, se eu acho que Deus tem um propósito pra mim em outra igreja Ele também tem um propósito pra mim, então creio que se você está fazendo o certo doutrina nenhuma vai te levar a isso, e sim o teu comprometimento com Cristo e a vontade de agrada-lo. Oque eu quero dizer irmão? Você não precisa aceitar tudo oque ele falam na sua igreja, você não precisa continuar lá, mas se você quiser ter maturidade você vai precisar abrir os olhos e ver que o propósito é ganhar vidas pra Cristo, evangelizar e não ficar mudando de igreja, Deus vai te usar, não importa a congregação, basta tu te entregar....
Se quiser mais detalhes, deixo o meu email;
Thalysongold@gmail
Espero ter ajudado de alguma forma, abraço!

favourite category

...
test section describtion

Whatsapp Button works on Mobile Device only